Percy Jackson Olympian Alliance

Aria procura a pedra de Hefesto

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Aria procura a pedra de Hefesto

Mensagem por Apolo em Dom Nov 10, 2013 7:01 pm


Isso doeu...






Aria não se preocupou em gritar enquanto caía, sabia que aquilo não adiantaria nada.

Só que não.

Ela gritou até sentir que não aguentava mais, a cintura dela ardia por causa do calor que as mãos de Apolo emanaram e ela estava em desespero, por passar quase três minutos em queda livre, passando por nuvens de todos os tipos e sem saber aonde cairia. A qualquer momento, ela poderia bater a cabeça e ter uma morte no mínimo nojenta.

Quando atingiu o chão, ela caiu sobe o teto de um carro. Pontos pretos dançaram na visão de Aria, que não apresentou reação àquela dor a não ser ficar boquiaberta. Finalmente, depois de dois minutos, ela disse algo.

-Ai! - Foram suas primeiras palavras.

Os mortais ao redor dela a aplaudiam e gritavam "Que delícia!". Ela não entendeu muito bem o que eles estavam vendo, mas desceu do carro mancando um pouco por ter batido o bumbum com tudo e recebendo uma chuva de dinheiro mortal, que ela guardou pra situações futuras.

Nos bolsos dela, haviam dois papéis. O primeiro que ela leu dizia.

Rua Hefesto, número nove.

Siga o mapa e chegará a uma oficina mecânica grandiosa. Boa sorte com um trabalho que você nunca tentou fazer... e cuidado com o calor.

A segunda folha de papel tinha uma seta que apontava para o sul. Ela mudou a direção e foi seguindo a seta até seu destino.

Regras:
-Você tem até 22h do dia 12/11/2013 pra postar.
-Siga a seta até chegar na oficina mecânica, descreva-a.
-Narre desde o momento em que foi jogada da mansão.
-Seja descritiva.
-Boa sorte e não morra. O Pietro não vive sem você -q

thanks mseller @



Última edição por Apolo em Qua Nov 13, 2013 12:58 pm, editado 3 vez(es)

-------------------------------- PJ ϟ Olympian Alliance --------------------------------


Apolo



Deus do sol, da medicina, da música, da perfeição... ♫ Chato bagarai ♫  Dono do fórum ♫  Hot 8)

Credits: @ Polo
avatar
Apolo
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 630
Data de inscrição : 25/03/2013
Idade : 27
Localização : Olimpo

Ficha Meio-Sangue
Nível: Infinito
HP:
99999/99999  (99999/99999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário http://pjoalliancebr.forumeiros.com.pt/  -qq

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aria procura a pedra de Hefesto

Mensagem por Aria R. Bouvier em Seg Nov 11, 2013 5:25 pm


Em busca de uma pedra.


 Caída do céu Θ Grécia Θ Meus fãs


Apolo se apiedou de nós, pobres semideuses que só desejávamos salvar nossa casa, e concordou em nos ajudar. Mas antes, fez pequenas alterações no grupo, mandando uma garota japonesa e um garoto moreno para as cucunhas, e onde fica isso? Não faço a minia ideia. Trouxe de volta meu cunhado, que vestia um pijama, pude ate imagina-lo pronto para dormir, afofando seu travesseiro antes de deitar, e no momento seguinte estar diante dos 'amigos' que trocara pelo sono no acampamento. 

Agora, la estávamos nós, no terraço de uma das mansões pertencentes ao deus do Sol. Tive que reprimir a vontade de correr para longe, sem olhar para traz, quando Apolo disse que nos jogaria para cima - E avante -, como ninguém se voluntario para ser o primeiro, ele puxou Britany e a lançou para cima, seu grito foi escutado por longos minutos, o que me deixou mais assustada ainda, mesmo que ele tenha garantido que pousaríamos em algo fofo.  

Não demorou muito para chegar minha vez de "voar", não podia estar mais nervosa, mas o que eu poderia fazer? A unica coisa que unica coisa que pude fazer foi berrar enquanto estava em queda livre. Pensei que continuaria caindo para sempre, mas isso não aconteceu, em alguns minutos, que me pareceram horas, cai sobre um carro - Coisa que so fui perceber quando me levantei -. 

Todo ar dos meus pulmões se esvairão, só conseguia ver pontinhos pretos, aquilo, com certeza, não se encaixava nos meus padrões de coisas macias, não chegava nem perto, mas presumi ser melhor que me estabacar no concreto. Voltei a mim quando escutei barulho de aplausos e alguns gritos, olhei em volta completamente confusa, chegaram a jogar dinheiro. Realmente, a nevoa realiza milagres, pois aposto que eles não viram uma adolescente cair do céu, enxergaram algo muito mais interessante, pelo visto. 

Sem reclamar, desci do capo do carro mancando, antes que seu dono aparecesse, recolhi o dinheiro que tão espontaneamente era me dado, enfiei na mochila, que graça aos deuses não se perdeu na queda, procurei o mapa dentro da mesma, mas não havia nem sinal dele, tatei os bolsões, e tharam. Tirei dele dois papeis, um tinha algumas instruções - Que não ajudaram muito -, e no outro um mapa, que apontava para o sul. 


Observei com atenção a cada detalhe, a rua era de pedras, diferente do que eu pensei, percebi ser uma praça, havia uma grande fonte branca no meio dela, as construções, em sua maioria, eram brancas, tentei me localizar, sabia que não estava em nenhum lugar conhecido. Mas tinha um palpite, que se confirmou quando encontrei uma plana em uma estrutura, que presumi ser um restaurante. Consegui ler-a sem problema algum, sendo assim, sua escrita so podia estar m grego, e presumi que apenas na Grécia ha placas escritas em tal idioma. 


Balancei a cabeça, saindo do meu desvaneio sobre o local, aquilo não importava, eu tinha uma oficina para achar. Tratei de começar a procurar meu caminho, com a ajuda milagrosa do mapa, que era como um GPS compacto que se pode carregar no bolso, em vista que mostrava onde eu deveria ir, e mudava a cada esquina virada. Virar a esquerda, novamente a esquerda, para a direita, continue reto, virar a direita, entrar em uma pequena ruela e continue indo reto.  A pequena rua parecia não ter fim, mas quando finalmente acabou, pude dar um longo suspiro de alivio, não só pelo termino dela, mas sim por ter achado a oficina. Verifiquei o nome da rua, que graça aos deuses, era Hefesto, um pouco irônico  devo dizer, havia uma pequena plaquinha no lado direito da entrada da mecânica, um nove dourado. Entrei no edifício sem demora, esperando, realmente, que todos os outros estejam se saindo bem, precisávamos de todas as pedras.     

Credits to Rapture

​​

-------------------------------- PJ ϟ Olympian Alliance --------------------------------


How can I love when I'm afraid to fall? 
Aria Rosalie Bouvier

avatar
Aria R. Bouvier
Cavaleiros das Estações
Cavaleiros das Estações

Mensagens : 186
Data de inscrição : 26/03/2013
Idade : 19

Ficha Meio-Sangue
Nível: 7
HP:
125/130  (125/130)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aria procura a pedra de Hefesto

Mensagem por Apolo em Ter Nov 12, 2013 5:49 am


Um deus...






A semideusa andou, andou e andou. A tal rua Hefesto era muito longe de onde ela estava, mas mesmo assim, ela conseguiu chegar relativamente rápido. Suas pernas já doíam, mas ela não tinha tempo para pensar nessas coisas, tratou de entrar logo na tal oficina e completar a sua missão, trazendo a pedra de Hefesto.

Assim que entrou no estabelecimento, ficou completamente pasma. Por fora, parecia apenas mais uma oficina, mas por dentro, era uma obra digna dos deuses gregos. Espere... digna dos deuses gregos! Um pensamento tomou conta da mente de Aria e ela não sabia se devia se preocupar ou se deveria entrar em desespero total.

-Olá? - Disse Aria, em voz alta, mas sem gritar.

-Olá! - Respondeu uma voz de velho. Como se algum mecânico estivesse ali.

-Quem está aí? - Perguntou Aria, mas só depois viu que estava fazendo uma pergunta idiota.

-Eu é que pergunto... - Um homem saiu de baixo de um carro esportivo, todo sujo de graxa. Era extremamente musculoso, negro, com cortes por todo o corpo e uma barba branca mal-feita, além de cabelos todos desgrenhados. - O que você está fazendo na minha oficina, Aria Bouvier?

Regras:
-Você tem até 08h50 do dia 14/11/2013 pra postar.
-Diga a Hefesto o que você está procurando, não esqueça as reverências e tudo o mais.
-Narre o meu post do seu ponto de vista a partir do momento que entra na oficina. A descrição dela fica por sua conta.
-Boa sorte e não morra. O Pietro não vive sem você -q

thanks mseller @


-------------------------------- PJ ϟ Olympian Alliance --------------------------------


Apolo



Deus do sol, da medicina, da música, da perfeição... ♫ Chato bagarai ♫  Dono do fórum ♫  Hot 8)

Credits: @ Polo
avatar
Apolo
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 630
Data de inscrição : 25/03/2013
Idade : 27
Localização : Olimpo

Ficha Meio-Sangue
Nível: Infinito
HP:
99999/99999  (99999/99999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário http://pjoalliancebr.forumeiros.com.pt/  -qq

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aria procura a pedra de Hefesto

Mensagem por Aria R. Bouvier em Qua Nov 13, 2013 7:12 pm


Em busca de uma pedra.




Caída do céu Θ Grécia Θ Hefesto
Assim que entrei porta adento, fui recebida por uma lufada de ar quente, o cheiro típico de mecânica, mas nada muito berrante como em sua maioria. Observei tudo a minha volta, e a primeira coisa que me chamou a atenção foi o quanto o lugar era luxuoso, diferente da maioria das outras mecânicas. As paredes possuíam um tom marrom avermelhado, o piso branco como a neve, sem uma manche de graxa ou óleo, no lado esquerdo havia uma cabine totalmente de vidro, onde deveria estar a secretaria, presumi, mas esta sala estava totalmente vazia. Havia dois andares ali, o de cima era sustentado por quatro pilares brancos, um em cada canto do lugar, alguns carros se encontravam na parte de baixo, do lado esquerdo, uns cobertos por uma lona cinza, e outros já sendo trabalhados, ou ate mesmo prontos. No lado direito, havia, bem, não fazia a minima ideia de como se chamavam aquelas grandes alavancas, sabia qual era sua função : Levantar os carros pesados, mas não sabia seu nome. No fundo do gapão havia uma mesa de madeira, e a parede era totalmente ocupada por todos os tipos de ferramente, da menor para a maior, de frente a isso havia uma estença mesa de madeira, varias coisas estavam espalhadas sobre ela, folhas, algumas ferramentas, ate pequenas toalhas cheias de graxa. No andar de cima, presumi que fosse onde guardavam os carros que estavam a espera para serem arrumados, os que ali estavam, em sua maioria ao menos, eram de luxo, nunca conheci muito bem as marcas nem os modelos, mas com toda certeza eram caros.

Franzi a testa, tentando raciocinar o porque de eu estar numa mecanica. Me senti a pessoa mais burra do mundo quando juntei as peças, Rua Hefesto, cada deus tem uma parte da pedra, uma oficina mecanica. Estava obvio que estava nos dominios do deus das forjas, Hefesto. Senti vontade de bater com uma das ferramentas mais pesadas contra minha cabeça para ver se assim deixaria de ser tão lerda, mas deixei de lado meus desvameios assassinos, eu tinha mais o que fazer, não estava ali para comer um suicídio.

- Ola? - Perguntei incerta, dando mais alguns passos adentro do grande galpão.

Me assustei ao ser respondida, realmente pensava estar sozinha ali, não ouvira sequer um barulho desde que havia entrado. Não resisti e perguntei quem esta ali, a final, a unica coisa que eu encontrei foram dois pés para fora de debaixo de um carro de luxo esportivo.

- Eu é quem devia pergunta - A mesma voz respondeu, mas dessa vez revelou seu rosto - E todo o resto do corpo -, um homem alto, negro e musculoso, realmente musculoso, quando eu digo realmente quero dizer muito, muito mesmo, com os cabelos negros desengrenhados e a barba rala e branca, as roupas sujas de graxa, assim com o rosto e as mãos - O que você está fazendo na minha oficina, Aria Bouvier?

E, derrepende, todo o nervosismo que eu senti na presença de Apolo estava de volta, sentia o poder emanar do deus, e isso so me deixava mais nervosa, mas não podia me mostrar mal-educada e nem fraquejar, devia me mostrar determinada e forte. Fiz uma reverencia desajeitada, mas logo me indireitei, pronta para responder a pergunta do deus das forjas

-Perdoe minha indelicadeza de vir em sua oficina sem avisar, não era minha intenção, mas Apolo me jogou do teraço de uma das mansões dele, e ate poucos minutos atras eu não sabia que tinha vindo atras do senhor...

- Mais devagar, filha de Macaria - Hefesto me interrompeu, respirei fundo, me acalmando, estava falando muito e apressadamente, o deus estava visivelmente curtindo com a minha cara, tendo uma expressão divertida no rosto - Agora me conte porque fora procurar Apolo

- O acampamento Meio-Sangue, meu lar, esta correndo perigo. Tudo la dentro esta congelado, desdos campos de morango ate o lago, Quiron convocou uma reunião e pediu a ajuda dos semideuses, disse-nos que deveriamos pedir ajuda a Apolo, foram poucos os que se voluntariam para isto, eu foi uma dessas poucas pessoas. Apolo resolveu nos ajudas, mas disse que não faria isso sozinho e que precisava da ajuda de Perséfone, mas não poderia tirar a deusa do submundo sem mais nem menos, apenas a pedra, que cada Olimpiano tem um pequeno fragmento, o senhor deve saber disso - Eu desembuchei, e prossegui meu monologo - E essa é a nossa missão, ir atras de cada deus e implorar se for preciso, para ter seu pedaço da pedra. E é isso que vim fazer aqui, pedir sua colaboração para podemos salvar o único lugar no qual estamos totalmente seguros

 

Credits to Rapture


​​

-------------------------------- PJ ϟ Olympian Alliance --------------------------------


How can I love when I'm afraid to fall? 
Aria Rosalie Bouvier

avatar
Aria R. Bouvier
Cavaleiros das Estações
Cavaleiros das Estações

Mensagens : 186
Data de inscrição : 26/03/2013
Idade : 19

Ficha Meio-Sangue
Nível: 7
HP:
125/130  (125/130)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aria procura a pedra de Hefesto

Mensagem por Apolo em Sex Nov 15, 2013 8:16 am


A tarefa de Aria






Hefesto prestou atenção em toda a explicação direta de Aria, parou seu trabalho por alguns segundos e passou sua proposta para Aria. Ele saiu de baixo do carro que consertava e encarou a garota por mais outros segundos, até que finalmente falou:

-Se você quiser realmente que eu te dê a minha pedra, vai ter que me ajudar. Prove que está disposta a fazer qualquer coisa pra salvar o acampamento.

Aria ficou com medo. Como assim ajudá-lo?

-Perdão, senhor... mas eu não entendi. - Disse a garota.
-Não precisa ter medo de mim, não sou como os outros deuses... ou como aquele imbecil do Apolo - Hefesto fez uma cara mais medonha ainda - É o seguinte... estou com muito trabalho pra consertar algumas armas e carruagens, você vai me ajudar a fazer isso.

Hefesto se levantou e foi até uma mesa de trabalhos no fundo da oficina, pegou uma arma em algum canto e a colocou na mesa de trabalho. Era uma espada com uma lâmina reluzente e afiadíssima. Hefesto conseguiu apagar uma aura divina que a espada tinha e chamou Aria. A filha de Macária se aproximou lentamente.

-Está vendo essa espada? Quero que faça uma réplica dela, é uma encomenda de Apolo para entregar a uma semideusa.

Regras:
-Você tem até 11h15 do dia 17/11/2013 pra postar.
-Encontre um jeito criativo de fazer a espada, use moldes, facas, etc.
-Narre o meu post do seu ponto de vista.
-Boa sorte e não morra. O Pietro não vive sem você -q

thanks mseller @


-------------------------------- PJ ϟ Olympian Alliance --------------------------------


Apolo



Deus do sol, da medicina, da música, da perfeição... ♫ Chato bagarai ♫  Dono do fórum ♫  Hot 8)

Credits: @ Polo
avatar
Apolo
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 630
Data de inscrição : 25/03/2013
Idade : 27
Localização : Olimpo

Ficha Meio-Sangue
Nível: Infinito
HP:
99999/99999  (99999/99999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário http://pjoalliancebr.forumeiros.com.pt/  -qq

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aria procura a pedra de Hefesto

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum