Percy Jackson Olympian Alliance

Captura [Missão Narrada - Gêmeos Smith]

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Captura [Missão Narrada - Gêmeos Smith]

Mensagem por Convidad em Dom Maio 19, 2013 9:38 am

Captura
Temos que pegar eu sei -q


Quíron estava aflito. O Centauro havia recebido relatório de olheiros além das fronteiras do Acampamento Meio-Sangue, que diziam ter monstros apavorando os mortais. Ele ficou mais preocupado em saber que a névoa estava falhando e que alguns relataram que viram pessoas com características de cobras. Quíron logo suspeitou de Dracaenae.

Ao nascer do próximo dia, ele reuniu um grupo de campistas experientes, dentre eles, dois de cada chalé, um menino e uma menina. Sem relatar o porque, perguntou a experiencia de cada um com cobras e foi eliminando os que tinham medo. Logo em seguida, o uso de armas como espadas e arcos, e mais alguns foram mandados embora. Sobraram os gêmeos de Perséfone e meio irmãos de Ares. Quíron pensou bastante antes de dar a decisão tomada, pois os filhos de Ares resolveriam isso bem rápido, mas chamariam mais atenção que os monstros com a fraca névoa que rondava o lugar. Então mandou os filhos de Ares para o chalé e parabenizou os jovens de Perséfone lhes dizendo:

— Parabéns, ganharam uma missão de alto sigilo em NY! Peguem o que acham ser útil na viagem e encontrem-me na casa grande.

Galopando veloz foi o Centauro para a grande casa no alto do acampamento, esperar os jovens que logo iriam ao seu encontro e receberiam as instruções e dinheiro mortal.

Diretrizes da Missão escreveu:• Descrevam como foi até Quíron convoca-los para a missão, como o que faziam antes e a reação;
• Voltem ao chalé e peguem APENAS: 1 item de Ataque e 1 item de Defesa;
• Escrevam que foram ao encontro de Quíron na Casa Grande e ele contou-lhes sobre o problema com Dracaena no centro de NY e deu-lhes dinheiro;
• Depois de agradecer, vocês deverão sair do acampamento e esperar novas instruções.
• Quem não puser as armas em SPOILER ou CODE entenderei que não levaram nada.
• Vocês tem, em todos os posts, um limite de 72 horas (3 dias).
Boa Sorte e que os Deuses os acompanhem ^^

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Captura [Missão Narrada - Gêmeos Smith]

Mensagem por Charles M. Walker em Dom Maio 19, 2013 11:45 am






A missão


O dia estava amanhecendo naquele final de semana e eu decidi que iria largar de ser preguiçoso e fazer um treino na arena do acampamento. Eu tinha muitas coisas pra fazer... tinha que me arrumar, fazer a barba (que alguns fazem um escândalo para eu não tirar), enfim, muitas coisas. Porém todos esses planos foram cortados quando um semideus filho de Hermes veio me chamar em meu chalé com um recado de Quíron, eu devia encontrá-lo no anfiteatro, então foi o que eu fiz.

Ao chegarmos lá, encontrei com minha irmã June, lhe dei um abraço e um beijo e em seguida começamos a ouvir o que Quíron nos tinha para dizer, no anfiteatro havia semideuses de todos os chalés, vários casais. O centauro tinha um olhar preocupado, eu sabia que ele nos pediria alguma coisa.

-Muito bem, semideuses! - Disse ele - Eu gostaria de fazer alguns testes... primeiramente, alguém aqui tem medo de cobras?

Os casais de filhos de Afrodite, Atena e Dionísio foram os primeiros a levantar as mãos, seguidos de alguns filhos de deuses menores. Minha mãe era Perséfone, eu sou ofidioglota e tinha uma espada que virava uma cobra, logo; eu não tenho medo, mas sim ótimas experiências.

Logo após ele dispensou os medrosos e nos levou para a arena do acampamento. Lá ele nos entregou uma espada e pediu que lutássemos com os bonecos do local. Lembrei-me do que eu tinha aprendido em meu último treino com bonecos na arena e demonstrei isto para Quíron, eu esperava um sorriso ou algo do tipo, mas ele apenas me encarou e analisou minhas habilidades. Em seguida os outros semideuses fizeram o mesmo.

Chegou a hora de mostrarmos habilidade com o arco e flecha. Peguei a arma que Quíron me ofereceu e fui até um dos alvos, olhei para o lado e vi que o casal de filhos de Apolo era o mesmo que me ensinou a usar o arco, a garota loira sorriu pra mim e então eu me lembrei de como segurar aquela coisa. Coloquei a flecha e encostei o arco no rosto, respirei fundo e lancei a flecha, acertando o alvo quase no centro. Comemorei rapidamente e passei o arco para minha irmã.

Depois de uma série de testes, Quíron eliminou os semideuses restantes, deixando somente eu, June e dois filhos de Ares. O centauro analisou-me da cabeça aos pés, fez o mesmo com os filhos de Ares, então os mandou de volta para o chalé. Quíron sorriu para mim e June.

— Parabéns, ganharam uma missão de alto sigilo em NY! Peguem o que acham ser útil na viagem e encontrem-me na casa grande.

Então ele se foi, em direção a Casa Grande. Olhei para minha irmã e segurei a mão dela, eu sentia uma mistura de medo e felicidade, mas consegui disfarçar aquilo. Entrei no meu chalé e coloquei meu pingente de serpente no pescoço e também peguei a minha varinha, pronto para sair em missão. Vesti uma camiseta manga curta vermelha e meu shorts jeans, assim como meus tênis Nike, afinal, era proibido sair do acampamento com o uniforme.

June também pegou as armas dela e fomos em direção a Casa Grande, de mãos dadas e prontos para tudo.

-Muito bem - Disse Quíron - Existe um lugar em Nova York que está com a névoa fraca.

Eu e minha irmã franzimos o cenho.

-Alguns mortais relatam estar vendo dracaenae naquela parte da cidade, sua missão é se livrar delas. - Completou nosso instrutor.

Com medo, agradeci a Quíron pelas informações e fui andando perto de June até o portal de entrada do acampamento e cheio de nervosismo, atravessamos o portal.

Armas:
✾ A Serpente: A serpente é um dos animais sagrados da deusa. Esse pingente, assim que acionado, se transforma em uma espada de bronze celestial, com o punho negro e detalhes de rubi. Além disso, se assim você desejar, pode conversar com o objeto, que ele virará uma cobra, a qual você conseguirá entender. Ela jamais vai traí-lo, mas pode ser traiçoeira para com seus inimigos.[By: Perséfone] [Opcional]

§ Varinha de Salgueiro: Uma varinha de salgueiro com núcleo de corda de coração de dragão; essencial para lhe ajudar na execução dos feitiços do Grimório. Se transforma em uma adaga de prata. {Indestrutível} [By: Nyx](Obrigatório)




Onde: Casa Grande ★ Com quem:Maninha e Quiron ★ Vestindo: Roupas



Thanks Apolo from PJO Alliance


Última edição por Henry C. Smith em Qui Maio 23, 2013 7:19 am, editado 1 vez(es)

-------------------------------- PJ ϟ Olympian Alliance --------------------------------


Charles Miller Walker



Filho de Poseidon ♫ Bff da Berit  ♫ Monitor do chalé ♫ Guerreiro do sol ♫  Rich and Sexy
 
avatar
Charles M. Walker
Guerreiros do Sol
Guerreiros do Sol

Mensagens : 131
Data de inscrição : 26/03/2013
Idade : 21
Localização : Em algum lugar perto do mar...

Ficha Meio-Sangue
Nível: 11
HP:
147/150  (147/150)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Captura [Missão Narrada - Gêmeos Smith]

Mensagem por June C. Schmidt em Seg Maio 20, 2013 3:08 pm







Missão com o Gêmeo



Eu já estava acordada fazia um bom tempo. Parecia que eu estava prevendo algo, sentindo alguma coisa estranha e foi assim que não consegui voltar a dormir. Na verdade, eu nem no chalé estava. Eu cuidava de algumas plantas e as fazia crescer um pouco bem ali perto.

Assim que eu já estava preparada para ir treinar, um filho de Hermes passou por mim correndo e começou a falar, rapidamente, que era para eu ir para o Anfiteatro onde Quíron me esperava. Depois de tido isso, correu para dentro do Chalé de Perséfone. Não esperei para ver o que ele iria fazer lá, apenas saí correndo.

Fiquei alguns minutos esperando, vendo que ali estavam presentes e ainda chegavam casais de cada deus olimpiano que havia no Acampamento. Assim que já estavam quase todos reunidos, Henry chegou. Deu-me um beijo na bochecha e um abraço até que paramos para ouvir o que Quíron dizia.

Sua primeira pergunta foi se alguém tinha medo de cobra. Quase ri com desdém. Eu simplesmente amava as cobras, tinha uma de estimação, era ofidioglota... Em suma, eu era uma digna filha de Perséfone. Alguns dos semideuses levantaram as mãos (medrosos) e Quíron disse que eles poderiam ir embora.

O próximo desafio seria lutar com uma espada. Fácil, eu já tinha treinado com a minha, por exemplo, várias vezes. Assim que Henry me entregou a arma que usaríamos contra os bonecos, eu comecei a desferir golpes certeiros e ágeis.

Já o próximo desafio me deixaria fora de qualquer coisa que fosse. Era arco e flecha. Ai deuses... Por que tinha que ter isso? Suspirei lentamente pegando a arma da mão de Henry e encaixei uma flecha, mirando-a no alvo. Suspirei uma única vez e puxando o cordel, com total concentração, deixei a flecha voar com velocidade. Nem fui tão mal assim, ela acertou a última faixa branca. Depois de todos esses testes e mais alguns, só restou eu, Henry e dois filhos de Ares.

Olhei para Quíron enquanto nos analisava. Nem tentei sorrir ao ler a sua expressão e coloquei as mãos para trás, concentrando no que poderia ser aquilo. Por fim, ele mandou as proles de Ares também sair. O centauro sorriu para mim e para o meu irmão.

- Parabéns, ganharam uma missão de alto sigilo em NY! Peguem o que acham ser útil na viagem e encontrem-me na casa grande. – Ele disse e eu assenti, séria. Quíron saiu para a Casa Grande e Henry pegou em minha mão, olhando-me. Eu também o olhei e apertei de leva as suas costas da mão. Eu estava tão feliz por sair em uma missão com meu gêmeo, mas também estava com medo do que poderia acontecer.

Cheguei ao Chalé e fui para a “ala feminina” da onde coloquei meu tênis negro, minha calça jeans azul e uma blusa verde de maga comprida e gola V. Fui de baixo da minha cama e peguei o meu Manto Outonal que estava bem dobrado, colocando-o em uma bolsinha lateral minha. Também, prendendo em meu pescoço, coloquei o meu pingente.

Depois disso, saímos para a Casa Grande, prontos para qualquer desafio. Quíron nos esperava preocupados e logo começou a passar informações.

- Muito bem. Existe um lugar em Nova York que está com a névoa fraca. – Eu e Henry franzimos o cenho para aquilo. - Alguns mortais relatam estar vendo dracaenae naquela parte da cidade, sua missão é se livrar delas. – Ele terminou.

Eu acho que estava tremendo diante aquilo. Apertei fortemente a mão de Henry uma vez e juntos atravessamos o portal para fora do Acampamento.

ARMAS:
✾ A Serpente: A serpente é um dos animais sagrados da deusa. Esse pingente, assim que acionado, se transforma em uma espada de bronze celestial, com o punho negro e detalhes de rubi. Além disso, se assim você desejar, pode conversar com o objeto, que ele virará uma cobra, a qual você conseguirá entender. Ela jamais vai traí-lo, mas pode ser traiçoeira para com seus inimigos.[By: Perséfone] [Opcional]

✾ Manto Outonal: Uma capa de seda em um tom verde claro. Assim que envolve o seu corpo, te deixa completamente invisível e camufla seu cheiro com os das flores primaveris. [By: Perséfone] [Obrigatório]


Thank's Demetria for @ MDD


-------------------------------- PJ ϟ Olympian Alliance --------------------------------


June Carter Smith
Florzinha da Lindinha e Docinho | Momy Persephone | Member of Adhitune

"Mas o Professor Utonium, acidentalmente, acrescentou um ingrediente a mais na fórmula: o Elemento X. E assim nasceram as Meninas Super Poderosas!" @

June C. Schmidt
Mênades
Mênades

Mensagens : 73
Data de inscrição : 19/04/2013
Idade : 20
Localização : Atrás de v... Nem te conto.

Ficha Meio-Sangue
Nível: 14
HP:
115/165  (115/165)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Captura [Missão Narrada - Gêmeos Smith]

Mensagem por Convidad em Qua Maio 22, 2013 3:19 pm




Eros, The Love!
-------------- Confusão em NY---------------------------------------------------------------


Os gêmeos estavam descobrindo novas emoções levadas apenas pela recepção de uma nova missão, que desta vez seria fora das fronteiras que cercavam sua morada, o Acampamento Meio-Sangue.
Depois de Quíron esclarecer o que estava acontecendo em New York, os semideuses saíram da Casa Grande e partiram em direção ao pinheiro de Thalia. Uma forte brisa com o sabor do Outono veio ao encontro dos pequenos que sorrirem de orelha a orelha, sabendo que sua mãe estava com eles nesta difícil e perigosa jornada. Lá, eles encontraram Argos, o segurança do lugar, que estava por sua vez acariciando o pequeno dragão que guardava a entrada do Camp. Argos, ao ver os jovens, se ergueu e fez um sinal para o seguir.
Na descida do morro, os filhos de Perséfone ficavam encantados com a variação das cores que as árvores tinham nesta época do ano. No acampamento, tudo era sempre verde. Nunca nada tinha graça para os filhos da senhora das estações.
Quando chegaram ao final da colina, Argos abriu a porta da Van branca, na qual os jovens seriam conduzidos até a cidade grande. Todos entraram e em cerca de 4 horas eles chegariam ao seu destino.
Não era difícil de achar caos e confusão numa cidade tão bem informada quanto NY. Foi até fácil demais. Argos apenas os deixou numa praça, bem perto de onde as Dracaenae reinavam e partiu para Long Island novamente. Eles precisariam achar uma maneira de voltar para casa, pois o segurança não vez nenhum sinal que voltaria para busca-los como um pai mortal faria com os filhos após deixa-los numa "festa".
Bastava aos jovens heróis encontrarem os monstros e encontrar um rumo para eles.

Diretrizes da Missão escreveu:• Apenas sigam o que foi descrito acima e chegarão bem em NY;
• Aqui vocês já podem encontrar as Dracaenae e dizer alguma coisa para elas e começarem a atacar;
• Não esqueçam de por os Poderes em Spoiler, pois se for usado algum e não for posto do modo pedido, será desconsiderado.
• June, querida, pode usar uma fonte diferente? Foi desconfortante na hora de ler.

NOTAS: Narrando os Gêmeos Smith

Coded By @Lilah!

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Captura [Missão Narrada - Gêmeos Smith]

Mensagem por Charles M. Walker em Qui Maio 23, 2013 7:17 am






A missão


Era outono no acampamento meio-sangue, era tranquilizante ver todas aquelas cores ao descer a colina meio-sangue, eu tinha a sensação de que tudo ficaria bem. Em nosso trajeto até Nova York, como sempre, estávamos na van dirigida por Argos e em algumas horas chegamos ao nosso destino. O segurança nos largou em uma praça qualquer e voltou para Long Island sem falar nada.

Eu e minha irmã fomos andando pela cidade até pararmos para perguntar para um homem se ele sabia onde estavam aquelas mulheres fantasiadas de cobra.

-Não é uma fantasia, senhor! É real..
-Pois é, essa nova tecnologia, não? - Cortou June
-Enfim, o senhor sabe onde elas estão? - Perguntei.

O homem nos indicou uma praça a cerca de 200 metros dali. Encarei June e ativei o meu pingente, que se transformou em uma espada. O homem ao meu lado se assustou, olhei para ele e o pobre saiu correndo. Também coloquei a mão na minha varinha e fui acompanhado de June para a praça. Ao chegarmos lá, eu vi todos aqueles monstros sibilando e olhando para nós dois. Era algo assustador, pois havia muitas delas.

Olhei para June na esperança de que ela falasse algo.



Onde: Praça demoníaca ★ Com quem: June *u* ★ Vestindo: Armas -q



Thanks Apolo from PJO Alliance

-------------------------------- PJ ϟ Olympian Alliance --------------------------------


Charles Miller Walker



Filho de Poseidon ♫ Bff da Berit  ♫ Monitor do chalé ♫ Guerreiro do sol ♫  Rich and Sexy
 
avatar
Charles M. Walker
Guerreiros do Sol
Guerreiros do Sol

Mensagens : 131
Data de inscrição : 26/03/2013
Idade : 21
Localização : Em algum lugar perto do mar...

Ficha Meio-Sangue
Nível: 11
HP:
147/150  (147/150)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Captura [Missão Narrada - Gêmeos Smith]

Mensagem por June C. Schmidt em Qui Maio 23, 2013 12:45 pm



Missão!



Já estávamos dentro da van quando me dei conta, verdadeiramente, que eu estava saindo em uma missão fora do Acampamento e com o meu GÊMEO! Tudo bem, tudo bem. Eu tinha que acalmar meus ânimos. Afinal, não iríamos brincar e sim matar algumas dracaenae.

Argos nos levou com o veiculo através das ruas movimentas de New York, nos deixando em seguida numa praça qualquer. Descemos de do carro e logo ele saiu cantando pneu deixando eu e meu irmão sozinhos. Continuamos andando lentamente até que paramos para pedir informação para um senhor. A pergunta na verdade foi “Onde estão as pessoas fantasiadas de cobras?”, mas com isso o homem ficou meio apreensivo.

- Não é uma fantasia, senhor! É real...

- Pois é, essa nova tecnologia, não? – Eu o cortei para evitar maiores danos.

- Enfim, o senhor sabe onde elas estão? – Henry perguntou. Com um aceno, o homem nos mostrou que o local daquela confraternização monstruosa era em uma praça a quase duzentos metros dali. Henry me olhou uma única vez e tirou seu pingente, ativando a espada. O homem que nos ajudara nos olhou assustado e saiu tropeçando. O que será que a névoa mostrava para ele? Sacudi a cabeça e fixei meu olhar no de Henry.

- Vou colocar o meu Manto Outonal. É sempre bom ter uma carta na manga... – Disse refletindo antes de perceber realmente o que estava diante nós. Muitas dracaenae sibilaram ao mesmo tempo e ergueram suas redes/lanças em nossa direção. – É. Decididamente vou colocar o manto. – E depois de eu dizer isso, tirei de minha bolsa lateral o Manto. Quando o coloquei eu deveria estar parecendo a ‘Chapeuzinho Vermelho’, só que invisível.




Lugar: NY! ♦ Com: Gêmeo e Dracaenae \o/ ♦ Post: 001



Thanks Apolo for PJO Alliance




-------------------------------- PJ ϟ Olympian Alliance --------------------------------


June Carter Smith
Florzinha da Lindinha e Docinho | Momy Persephone | Member of Adhitune

"Mas o Professor Utonium, acidentalmente, acrescentou um ingrediente a mais na fórmula: o Elemento X. E assim nasceram as Meninas Super Poderosas!" @

June C. Schmidt
Mênades
Mênades

Mensagens : 73
Data de inscrição : 19/04/2013
Idade : 20
Localização : Atrás de v... Nem te conto.

Ficha Meio-Sangue
Nível: 14
HP:
115/165  (115/165)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Captura [Missão Narrada - Gêmeos Smith]

Mensagem por Convidad em Qui Maio 23, 2013 6:23 pm




Eros, The Love!
-------------- Confusão em NY---------------------------------------------------------------


Como lhes foi dito por Quíron, o diretor de atividades do acampamento, a Névoa estava cada vez mais fraca. Será que quem controla a magia que divide os mundos mortal e imortal estaria perdendo as forças? Eles puderam ver que tal relato era verdadeiro ao perguntarem sobre as Dracaenae de modo indireto e quando o menino ativou sua arma. O homem que estava por perto realmente viu o brilho do bronze celestial e saiu correndo como se fosse "coisa de outro mundo".
Ao prestarem mais atenção onde eles estavam, perceberam as mulheres cobras sibilando e causando certa confusão com algumas pessoas no parque. Do mesmo modo que eles perceberam os monstros, as criaturas também os perceberam, por parte, até June mascarar seu cheiro com o Manto Outonal. Henry se preparou para lutar e contou nos dedos quantas eram e falou em voz alta para sua irmã:
— São três feiosas, você quer brincar com quantas?
Ele riu e esperou a resposta da irmã que provavelmente não estava mais ao seu lado.
— Filhosss do Outono... ou ssseria Primavera? Sssinto cheiro de primavera - uma Dracaena dizia por conta da fragrância da capa da jovem semideusa - Sssim, primavera. Sssão filhosss de Koré.
Todas riram como deboche e outro se prontificou a falar:
— Ssserá que acham que floresss podem deter-nosss? - mais gargalhadas foram distribuídas pelo parque - Sssó podem essstar querendo morrer! Hahahahahah!!
Elas se puseram em sistema de ataque. Apenas uma tinha uma arma que era uma lança de pouco mais de 1,50m. Quem será que partiria para o confronto direto primeiro?

Código:
Henry: 179/205
June: 167/190
Dracaena 1: 150/150
Dracaena 2: 150/150
Dracaena 3: 200/200 - tem uma lança

Diretrizes da Missão escreveu:• Muito bem a descrição no ultimo post, agora é só continuar seguindo a história;
• Podem dar o primeiro movimento de ataque ou defesa e será apenas dois movimentos por jogador. Como estão em desvantagem, deixarei quem ficar com 2 Dracaenae fazer três movimentos;
• Iremos etiquetar as Dracaenae em: Dracaena 1, Dracaena 2 e Dracaena 3.

NOTAS: Narrando os Gêmeos Smith

Coded By @Lilah!

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Captura [Missão Narrada - Gêmeos Smith]

Mensagem por Charles M. Walker em Sex Maio 24, 2013 10:36 am






A missão


Ao chegarmos na praça, fomos provocados pelas dracaenae, eram diversos tipos de tirar sarro e subestimar o poder dos gêmeos Smith. Tentei perguntar algo para June, mas ela não me respondeu. Até que uma das dracaenae disse algo que me deu uma ideia brilhante.

— Ssserá que acham que floresss podem deter-nosss? - gargalhadas ecoaram pelo parque - Sssó podem essstar querendo morrer! Hahahahahah!!

-Sim, flores podem deter vocês.

Imediatamente, em volta de uma das dracaenae, flores começaram a brotar, a dracaena debochou do poder.

-Apenas observe - Eu disse pra ela.

As pétalas da rosa se transformaram e metal e começaram a se desprender e voarem em alta velocidade na direção do horrível monstro. Estas se cravariam na pele dela e causariam um enorme dano.

Logo após, fiz com que um cheiro de jasmins encobrisse todo o local, inclusive o cheiro do manto outonal. Este cheiro paralisaria e em seguida intoxicaria os monstros.

Poderes:
✾ Jasmins Assassinas: O (a) filho (a) da deusa pode o odor do ambiente aonde estiver. O cheiro vai ser muito bom e convidativo, paralisando qualquer ser vivo que o sentir(exceto as proles de Perséfone). Após alguns minutos, o efeito da planta muda totalmente, tornado-se tóxico e podendo ser até mortal.

✾ Cravo de Defunto: Sob a forma desta flor, pequenas peças de metal se desprendem de duas mãos, atingindo o inimigo.




Onde: Praça demoníaca ★ Com quem: June *u* ★ Vestindo: Armas -q



Thanks Apolo from PJO Alliance

-------------------------------- PJ ϟ Olympian Alliance --------------------------------


Charles Miller Walker



Filho de Poseidon ♫ Bff da Berit  ♫ Monitor do chalé ♫ Guerreiro do sol ♫  Rich and Sexy
 
avatar
Charles M. Walker
Guerreiros do Sol
Guerreiros do Sol

Mensagens : 131
Data de inscrição : 26/03/2013
Idade : 21
Localização : Em algum lugar perto do mar...

Ficha Meio-Sangue
Nível: 11
HP:
147/150  (147/150)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Captura [Missão Narrada - Gêmeos Smith]

Mensagem por June C. Schmidt em Sab Maio 25, 2013 3:01 pm



Missão!



Decididamente ter ficado invisível tinha sido um ótimo truque. As Dracaenae agora estavam focadas em meu irmão (não que isso fosse bom já que era bem perigoso). Uma delas se agitou e sibilou para nós.

— Ssserá que acham que floresss podem deter-nosss? – Elas gargalharam em conjunto e eu senti a raiva borbulhar dentro de mim. - Sssó podem essstar querendo morrer! Hahahahahah!!

Quase as respondi, mas aí mostraria onde eu estava e aquilo não era nada legal. Apenas pensei então: “vocês vão ver o quanto as flores podem acabar com vocês”. Eram três e eu começaria a chama-las por números para ficar mais fácil de entender. Havia a Dracaena 1, 2 e a 3 (a qual estava armada com uma lança grandinha). Henry já as havia atacado com dois poderes que eu conhecia bem.

- Hum... – Murmurei bem baixo para que ninguém me percebesse aqui. Olhei para o monstro armado e eu sabia que aquele seria o primeiro a ser atacado por mim. Tinha uma rachadura na calçada perto da Dracaena 3 e uma raiz começaria a brotar de lá. Não qualquer raiz, mas uma bem grossa e resistente. Ela se amarraria ao braço do monstro que segurava a lança e começaria a puxá-lo para baixo. Com a dracaena com certeza tentando se soltar, eu faria outra raiz surgir e começar a puxá-la também.

Bom. Agora os ataques de Henry seriam somados aos meus. O seus cravos metálicos e o cheiro tóxico deixaria o trabalho mais fácil para mim. O maior desafio que era a arma da terceira dracaena estaria bem presa pelas minhas raízes e eu poderia atacar mais de perto com o bônus da invisibilidade.

Com a mão direita livre eu puxaria o pingente do meu pescoço e ele se transformaria em Rubye, minha espada. Com golpes rápidos e ágeis, eu cortaria e enfiaria a lâmina através de suas escamas rígidas na região do coração e com alguma sorte e felicidade elas virariam pó aos meus pés.

PODERES:
✾ Controle das plantas - III: Possuí controle total das plantas. Consegue fazer com que elas obedeçam qualquer ordem imposta por ti.




Lugar: NY! ♦ Com: Gêmeo e Dracaenae \o/ ♦ Post: 0012



Thanks Apolo for PJO Alliance


-------------------------------- PJ ϟ Olympian Alliance --------------------------------


June Carter Smith
Florzinha da Lindinha e Docinho | Momy Persephone | Member of Adhitune

"Mas o Professor Utonium, acidentalmente, acrescentou um ingrediente a mais na fórmula: o Elemento X. E assim nasceram as Meninas Super Poderosas!" @

June C. Schmidt
Mênades
Mênades

Mensagens : 73
Data de inscrição : 19/04/2013
Idade : 20
Localização : Atrás de v... Nem te conto.

Ficha Meio-Sangue
Nível: 14
HP:
115/165  (115/165)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Captura [Missão Narrada - Gêmeos Smith]

Mensagem por Convidad em Dom Maio 26, 2013 10:42 pm




Eros, The Love!
-------------- Confusão em NY---------------------------------------------------------------


Parecia que os Gêmeos Smith eram espertos e mesmo sem trocarem informações, lutavam como se estivessem conectados por algum ELO invisível.
Depois de Henry responder ao desaforo feito pela Dracaena 2, ele fez algumas flores crescerem e desabrocharem em meio ao parque.
— Ownt, que bonitinho meio-sangue, não precisava hahaha.
Debochava a mesma Dracaena não se dando conta do que estava ocorrendo logo em seguida. As pétalas das flores estavam se desprendendo e já transfiguradas em metal, avançaram em direção à monstra. As outras olharam como se não estivessem acreditando, depois voltaram atenção ao menino e sibilaram para ele como se a luta estivesse iniciando agora. A Dracaena 1 correu na direção dele pronta a usar suas unhas afiadas e enquanto ela avançava, ele estava invocando uma fina nuvem de odor que mascararia o cheiro de tudo naquele campo de batalha. Henry terminou de usar sua habilidade bem atempo, pois logo em seguida foi atingido no braço direito com um arranhão feio. Só não estava em apuros pela paralisia da habilidade usada ter sido mais rápida. Ele não sabia se ficava aliviado ou se questionava a dor.
June vira seu irmão atacando as Dracaenae e decidiu atacar a maior e armada. A monstra estava parada em seu posto somente a espera da sua vez chegar. A menina viu sua oportunidade de atacar e não demorou a fazer uma raiz crescer numa rachadura. A Dracaena 3 riu e não deixou ela crescer para atacar antes que pudesse se defender, então com sua lança ela cortou a plantinha em pedacinhos, mas enquanto se preocupava com um lado, deixara suas costas desprotegidas e foi ontem mais uma raiz cresceu, e desta vez ficou grossa e robusta, pronta a atacar a monstra. A raiz capturou a perna da Dracaena e começou a puxa-la para baixo com força e obviamente ela caiu, mas estava tentando se soltar, sem efeito.
June estava feliz por ter concluído seu objetivo de criar as raízes, mas queria matar logo a Dracaena com sua espada. Ela sacou seu pingente que estava preso ao pescoço e foi se aproximando da inimiga devagar contando com a vantagem da invisibilidade e a mascaração do cheiro da capa que seu irmão tinha feito, porém, ela não contou que seus passos eram tão barulhentos quando um monstro metade cobra estava no chão, quase rastejando. Quando June chegou perto o suficiente para atingir a Dracaena 3, ela se virou e contra-atacou com a lança, fazendo ela atravessar a perna esquerda da semideusa. Henry sentiu a dor da irmã, pois gêmeos sentiam quando o outro se feria, e este não era um ferimento superficial como o do menino, era grave e podia ter atingido algum músculo principal. June esqueceu momentaneamente a dor e consegui encravar sua espada no coração da Dracaena, fazendo ela ser reduzida a pó.
June caiu no chão e tentou tirar a lança, mas estava doendo muito. Agora seu irmão precisaria agir muito rápido e terminar com as outras Dracaenas sozinho. Não seria tão difícil agora que elas estavam paralisadas.

Código:
Henry: 170/205
June: 100/190 - lança encravada na perna esquerda
Dracaena 1: 150/150
Dracaena 2: 50/150
Dracaena 3: 000/200

Tempo escreveu:SEM TEMPO PARA DIRETRIZES HOJE

NOTAS: Narrando os Gêmeos Smith

Coded By @Lilah!

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Captura [Missão Narrada - Gêmeos Smith]

Mensagem por Charles M. Walker em Seg Maio 27, 2013 10:08 am






A missão


Fiquei um pouco confuso e sem saber o que fazer com os monstros quando ativei o cheiro intoxicante de jasmins. As dracaenae foram paralisadas, mas uma delas conseguiu me arranhar, logo elas cairiam no chão sozinhas por estarem inalando "veneno". Porém, eu tinha que ser rápido, pois senti o músculo de minha perna esquerda se distender, uma leve dor tomou conta da minha perna. Eu olhei para June e vi que ela estava chorando e com a lança da terceira dracaena encravada na perna, ver aquela cena fez com que um ódio muito forte tomasse conta de mim.

Em questão de segundos, retirei minha varinha do bolso e invoquei o melhor feitiço do grimório. Fiz um movimento com o objeto que faria com que as bolas de fogo acertassem as duas dracaenae lesadas.

-Ignem! - Gritei

As três bolas de fogo que foram lançadas acertariam rapidamente os monstros, que estavam sem chances de desviarem do ataque. Corri até minha irmã, que parecia muito aflita.

-Calma, por favor. - Pedi

Então coloquei minha mão na lança e a retirei, jogando-a na direção de uma das dracaenae incendiadas.

Poderes:
§ Ignem: Magia que gera três bolas de fogo.




Onde: Praça demoníaca ★ Com quem: June *u* ★ Vestindo: Armas -q



Thanks Apolo from PJO Alliance

-------------------------------- PJ ϟ Olympian Alliance --------------------------------


Charles Miller Walker



Filho de Poseidon ♫ Bff da Berit  ♫ Monitor do chalé ♫ Guerreiro do sol ♫  Rich and Sexy
 
avatar
Charles M. Walker
Guerreiros do Sol
Guerreiros do Sol

Mensagens : 131
Data de inscrição : 26/03/2013
Idade : 21
Localização : Em algum lugar perto do mar...

Ficha Meio-Sangue
Nível: 11
HP:
147/150  (147/150)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Captura [Missão Narrada - Gêmeos Smith]

Mensagem por June C. Schmidt em Ter Maio 28, 2013 5:32 pm



Missão!



Se um dia eu pensei que sentiria uma dor desse tanto, não imaginei que fosse nessa proporção. As lágrimas escorriam pelo meu rosto ao mesmo tempo em que os meus gemidos de dor ecoavam pela praça. Como a Dracaena conseguiu me fincar essa lança? Tudo bem que eu estava andando um pouco barulhenta demais, mas ela simplesmente ME ACERTOU EM CHEIO! Impossível... Entretanto agora eu estava aqui caída no chão com a perna esquerda sangrando.

O Manto Outonal caiu ao meu lado e imediatamente eu o peguei de volta, colocando-o na minha ‘bolsinha’ lateral. Olhei para a espada de bronze celestial que também jazia em meu lado e lágrimas as caíram mais forte.

- Rubye... Rubye apareça. – Eu murmurei gaguejante enquanto meu nariz se entupia. A espada tremulou e imediatamente a minha serpente estava bem ali ao meu lado. Fixei o meu olhar no dela. – Se alguma coisa se aproximar de mim, tente retardá-la. Menos o Henry... Claro...– Terminei a última parte da frase falando com dificuldade.

Henry veio correndo até mim e me olhou solidariamente, com medo e preocupado.

- Calma, por favor. – Ele pediu delicadamente e tirou a lança cravejada em minha perna esquerda tacando-a em uma das Dracaenae que incrivelmente estavam pegando fogo. Olhei para o meu gêmeo, ainda chorando, e coloquei a mão sobre o meu ferimento profundo que sangrava sem parar. Tentando deixar de lado um pouco a dor, fechei os olhos inchados para me concentrar.

Asas róseas e sedosas saltaram das minhas costas em um processo lento e meio demorado, furando até uma parte da blusa que eu usava para ganhar espaço. Elas se libertaram e se abriram, batendo uma vez no ar e ficando em estado de repouso em seguida.

- Tenho que me afastar daqui. – Eu disse com dificuldade novamente enquanto as asas batiam mais fortes e mais rápidas liberando um aroma bastante tranquilizador sobre os monstros que queimavam. Fui lançada no ar e comecei a voar para trás me afastando até um ponto em que eu achava que era seguro o suficiente. Enquanto eu me “mudava”, sangue caia por todo o trajeto. Eu tinha que dar um jeito de estancar aquilo.

Rasguei uma parte da minha blusa, deixando minha barriga a amostra e a amarrei com a maior força que eu podia na perna esquerda, diminuindo a circulação sanguínea ali. A dor diminuiu alguns milésimos o que me permitiu pensar direito. Pousando no chão e me sentando escorada em uma fonte com água que se localizava no meio da praça, olhei para Henry, Rubye e as Dracaenae. Decididamente eu não poderia deixá-lo sozinho nessa nem a minha serpente.

Ergui as mãos em direção aos dois monstros e algumas rosas cresceram ao meu redor. Prestando bastante atenção na onde eu iria mirar, fiz um aceno para frente rapidamente. Os espinhos que voaram rápido em direção a Dracaena 1 e a Dracaena 2 poderiam acertá-las e acabar com aquilo de uma vez. A velocidade era forte demais para que o fogo pudesse atrapalhar a passagem de meu “tiro” e as Dracaenae lentas demais para conseguirem se desviar. Com sorte os espinhos pegariam em pontos vitais e os monstros iriam com uma passagem só de ida para o Tártaro.

PODERES:
# Rosas com espinhos: Parecem flechas. Elas têm o formato da flor e, ao seu sinal, disparam do chão, liberando espinhos que atingem qualquer coisa que estiver ao redor.

# Asas da morte: O semideus pode invocar duas lindas asas róseas e sedosas, para se transportar pelos ventos, essas asas, ao entrarem em movimento, liberam um perfume maravilhoso, que acalma o ambiante.




Lugar: NY! ♦ Com: Gêmeo e Dracaenae \o/ ♦ Post: 003



Thanks Apolo for PJO Alliance


-------------------------------- PJ ϟ Olympian Alliance --------------------------------


June Carter Smith
Florzinha da Lindinha e Docinho | Momy Persephone | Member of Adhitune

"Mas o Professor Utonium, acidentalmente, acrescentou um ingrediente a mais na fórmula: o Elemento X. E assim nasceram as Meninas Super Poderosas!" @

June C. Schmidt
Mênades
Mênades

Mensagens : 73
Data de inscrição : 19/04/2013
Idade : 20
Localização : Atrás de v... Nem te conto.

Ficha Meio-Sangue
Nível: 14
HP:
115/165  (115/165)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Captura [Missão Narrada - Gêmeos Smith]

Mensagem por Convidad em Qui Maio 30, 2013 4:12 pm




Eros, The Love!
-------------- Confusão em NY---------------------------------------------------------------


Missão Abandonada no último post ¬¬

June recebe recompensa e descontos normalmente, já Henry não ganha nada.

• Recompensa:
230 pontos de experiência e 1 item:
✾ Olho de Dracaena: Um colar com o olho de uma poderosa Dracaena que tinha o poder de ver seus inimigos mesmo camuflados com qualquer item mágico. Aproximando o objeto do olho, o semideus consegue enxergar qualquer coisa ou alguém que esteja escondido ou camuflado. [Recompensa da Missão: Captura]

• Descontos:
- 67 de HP e - 100 de MP.
Ficará com 100 de HP e 70 de MP.

{ATUALIZADO E MOVIDO POR: Íris}

NOTAS: Narrando os Gêmeos Smith

Coded By @Lilah!

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Captura [Missão Narrada - Gêmeos Smith]

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum